PASSOS PARA ORGANIZAR O SETOR DE TI NA MINHA EMPRESA.

Logo, é essencial que o Departamento de Tecnologia da Informação seja devidamente gerenciado e conte com profissionais competentes com recursos de ponta para fornecer um atendimento altamente qualificado para o público interno e externo. Com a intenção de mostrar como é importante organizar o setor de TI, vamos dar um exemplo de como a tecnologia pode fazer toda a diferença para uma empresa. Uma companhia adotou o CRM (sistema responsável por coletar diversos dados dos consumidores, como ticket médio, itens mais comprados etc.) Para o CRM ser útil, é preciso que ele esteja integrado ao sistema de gestão corporativa e que o fluxo de dados funcione adequadamente. Isso só é viável com uma estrutura de TI robusta. Com as informações do CRM disponíveis e atualizadas, os gestores podem analisar com precisão como estão as vendas. 


Essa medida é primordial, principalmente, para as companhias que apostam em contar com um departamento próprio de Tecnologia da Informação. Se essa iniciativa não for efetivada dentro das melhores práticas, há um sério risco de impactar no funcionamento da organização e na sua atividade final, perdendo foco e diminuindo o desempenho.


O que é o setor de TI?


É a unidade responsável pelos serviços de Tecnologia da Informação que abrangem atividades como a instalação e manutenção de hardware, desenvolvimento de sites, criação de aplicativos e sistemas, correção de erros em softwares, trabalhos voltados para a segurança da informação e consultoria sobre investimentos na área de tecnologia. 


É um setor cada vez mais estratégico para as companhias, porque pode contribuir com iniciativas fundamentais para aumentar a produtividade dos colaboradores. Uma prova disso é que o suporte de TI está sendo essencial para muitas instituições públicas e privadas adotarem o trabalho remoto durante o período de isolamento social, provocado pelo novo coronavírus (Covid-19).


Organizar o setor de TI deve ser uma das prioridades de qualquer empresa ou órgão público, porque colabora para a execução dos serviços ao público-alvo ser realizada com perfeição. Sem sistemas eficientes e uma infraestrutura adequada, torna-se praticamente impossível prestar um atendimento de alto nível.


Por que um setor de TI Eficiente é vital para as empresas?


A transformação digital está alterando de maneira significativa a maneira como as empresas atuam no mercado. Além disso, está modificando como as marcas interagem com seus consumidores. Para alcançar um resultado dentro ou acima das expectativas, as corporações necessitam ser ágeis, tomarem decisões corretas e anteverem as tendências do mercado com exatidão. Isso só é possível quando há dados corretos e fornecidos em tempo real. Logo, é essencial que o Departamento de Tecnologia da Informação seja devidamente gerenciado e conte com profissionais competentes com recursos de ponta para fornecer um atendimento altamente qualificado para o público interno e externo. 


Com a intenção de mostrar como é importante organizar o setor de TI, vamos dar um exemplo de como a tecnologia pode fazer toda a diferença para uma empresa. Uma companhia adotou o CRM (sistema responsável por coletar diversos dados dos consumidores, como ticket médio, itens mais comprados etc.) Para o CRM ser útil, é preciso que ele esteja integrado ao sistema de gestão corporativa e que o fluxo de dados funcione adequadamente. Isso só é viável com uma estrutura de TI robusta.


Com as informações do CRM disponíveis e atualizadas, os gestores podem analisar com precisão como estão as vendas. Essa medida é muito importante para adotar estratégias de vendas que visam aumentar os lucros e fidelizar o público-alvo. Esse caso mostra como a Tecnologia da Informação deixou de ser um setor meramente operacional para ocupar um espaço estratégico em uma empresa. Essa ação pode ser facilmente concretizada se as dicas para programar um Departamento de TI forem seguidas à risca. 


Contar com uma equipe de TI altamente qualificada propicia a uma organização uma série de vantagens, como:


- Maiores condições para escolher os melhores softwares para alcançar um rendimento de alto nível; 

 - Adotar as melhores práticas de segurança da informação;

 - Contar com sites e aplicativos com elevado grau de usabilidade, o que ajuda a cativar o público-alvo; 

 - Optar por equipamentos que vão ajudar os funcionários a serem mais produtivos. 


 A Tecnologia da Informação hoje exerce uma grande influência no desempenho de vários setores em uma empresa (vendas, marketing, atendimento ao cliente, estoque, financeiro etc.). Isso deve ser levado em consideração pelos gestores, para que esse segmento seja devidamente estruturado e capaz de atingir um excelente rendimento.  


Como é trabalhar remotamente?

A computação em nuvem tem como uma das principais características permitir o acesso a arquivos e sistemas corporativos de maneira remota, ou seja, de qualquer lugar com acesso à internet. É importante que a empresa tenha procedimentos de segurança da informação muito bem definidos e que sejam devidamente explicados para os empregados. Nesse caso, a parceria entre o setor de TI e a área de comunicação é imprescindível para o trabalho remoto ser efetivado de forma exemplar. 

O fornecimento de equipamentos para os empregados trabalharem remotamente é algo que deve ser acompanhado de perto pelo Departamento de TI. À medida que uma empresa disponibiliza recursos de ponta para os colaboradores prestarem serviço, menores são os riscos de ataques virtuais. Logicamente, é necessário que os funcionários tenham uma postura responsável para minimizar as possibilidades de um ataque cibernético. Muitos casos de vazamento de informações ocorrem em virtude de falhas humanas que poderiam ser facilmente evitadas. 


Como montar um home office? 

Ao organizar o setor de TI, uma empresa pode estruturar a montagem do home office com mais facilidade. Um dos motivos é que contará com profissionais qualificados para disponibilizar uma VPN (Rede Virtual Privada). Esse mecanismo possibilita que os empregados da área administrativa tenham acesso a arquivos e sistemas corporativos no lugar em que julgarem mais adequados. 

Para isso, é necessário contar com um bom desktop ou notebook que, preferencialmente, devem ser fornecidos pela companhia. É muito importante que sejam fixadas regras claras para os trabalhos sejam executados devidamente. Uma delas é conscientizar os funcionários de que, no home office, deve haver um foco em seguir a carga horária. Também é válido indicar a necessidade de usar o correio eletrônico diariamente e de seguir boas práticas de segurança da informação. 

Veja algumas dicas de como implementar um Departamento de TI

Há procedimentos muito importantes para o setor de Tecnologia da Informação trabalhar dentro das melhores práticas do mercado. Pensando nisso, vamos destacar alguns deles agora. Acompanhe!

Escolher os equipamentos corretos (computadores e servidores).

Não basta conhecer os melhores procedimentos de trabalho para uma equipe de TI contribuir de forma decisiva para elevar a produtividade de uma empresa. É essencial que haja um investimento na aquisição de computadores e servidores de ponta. Do contrário, o desempenho do setor de tecnologia ficará comprometido, o que também afeta negativamente o restante da corporação. Antes de investir nesses equipamentos, é válido que o Departamento de TI seja consultado para o retorno do investimento seja o mais rápido possível.    

Ter um servidor de arquivos

Independentemente do porte da organização, é indispensável contar com um servidor de arquivos. Esse recurso disponibiliza para funcionários de diversos setores o acesso a vários tipos de arquivos (documentos com texto, imagens, vídeos, áudios etc.). Esse servidor deve ser implementado e acompanhado pela equipe de TI para que o funcionamento contemple a demanda dos colaboradores. O servidor de arquivos deve contar com permissões diferentes em suas áreas, ou seja, o setor do financeiro deve acessar as pastas pertinentes a sua atividade, o RH por sua vez tem acesso as pastas do RH, e a diretoria ou gerencia pode ter acesso a todas as pastas. O servidor de arquivos pode ficar dentro da empresa ou estar na nuvem. 

Contar com firewall

Ao organizar o setor de TI, uma das prioridades é adotar iniciativas com foco na segurança da informação. Uma dessas ações é investir em firewall (equipamento ou software responsável por evitar a invasão de hackers à rede corporativa). A equipe de Tecnologia da Informação é a responsável por gerenciar esse recurso tão importante para as companhias. Os prejuízos que um vazamento de dados pode provocar às finanças e à imagem institucional são extremos e devem ter o cuidado necessário. 

Este dispositivo, que pode ser um software (programa de computador) ou um hardware (equipamento físico), fica entre a conexão da internet e a rede interna. Além de proteger contra ataques hackers, ele é responsável por filtrar o acesso a internet dos colaborados. Em uma indústria, por exemplo, computadores do chão de fábrica não precisam acessar redes sociais e ou então nenhum outro site que não seja o da empresa. Outro item relevante para a performance das organizações é mapear onde o colaborador está investindo tempo, com uma ferramenta de firewall adequada, podemos ter relatório de tempo de utilização da internet e em que sites este tempo foi utilizado. 

Apostar em um bom software gerencial

Acompanhar o andamento dos serviços e do desempenho corporativo deixou de ser um diferencial e passou a ser uma obrigação. Muitas organizações, independentemente do porte, estão investindo em sistemas de gestão. Nesse sentido, uma das ferramentas mais utilizadas é o ERP, que permite a integração de dados sobre todas as áreas da companhia. Para as informações empresariais estarem disponíveis, é vital que a equipe de TI cuide adequadamente da infraestrutura de rede interna, facilitando a integração entre os setores. 

A equipe de TI deve sempre estar alinhada ao negócio, fornecendo ferramentas que facilitem a vida dos gestores e colaboradores. Por isso um bom software com uma boa análise de aderência para verificar se ele atende aos requisitos do funcionamento do negócio, aliado a uma boa implementação (fase onde adequamos os processos do software e da empresa para trabalharem da melhor forma em conjunto), e um treinamento dá um suporte muito eficiente aos usuários. É certamente uma fórmula do sucesso.

Fazer backup

É uma das atividades mais importantes que devem ser executadas por uma equipe de TI. Consiste na cópia de arquivos corporativos, o que viabiliza recuperar informações que podem ser eventualmente perdidas.

Implementar um sistema de chamado Tickets

Uma das dicas para implementar um Departamento de TI com sucesso envolve a adoção um sistema de Tickets, que propicia ao setor de Help Desk gerenciar a demandas. A ferramenta contribui também para o cliente acompanhar o atendimento e avaliar os serviços prestados. Assim, é possível identificar os pontos que podem ser aperfeiçoados para os trabalhos serem ainda melhores.   

Contar com licenciamento de software É uma atividade que possibilita à empresa trabalhar com sistemas atualizados e que apresentam um maior nível de segurança da informação. O licenciamento de software contribui para a companhia atuar com mais profissionalismo, o que influencia positivamente na prestação de serviços. 

Além de evitar multas pela utilização de um software “pirata”. Para organizar o setor de TI de maneira inteligente é essencial haver: planejamento, profissionais qualificados e foco em resultados. Esse é o melhor caminho para o setor ser estratégico e valioso para uma organização. Se você gostou deste post, não deixe de compartilhá-lo nas redes sociais. O conhecimento é vital para a melhoria contínua! 

Mais lidos

Veja também os artigos mais lidos da semana.